E quem não ama receber qualquer produto em uma embalagem linda, e se for artesanato então, mais encantador ainda.

As artesãs sempre produzem tudo com muito carinho, a confecção da peça é uma junção de técnica e como todas são unanimes em dizer “Muito Amor envolvido”. Mas sabemos que o processo de produção de uma peça não termina quando a peça está concluída e sim quando ela chegou ao seu destino final…as mãos do cliente.

A logística no processo artesanal, que envolve produção(pedido da cliente, compra de insumos, confecção da peça, embalagem da peça, envio da peça para o destino). E para quem está iniciando parece até bem complicado, mas muito pelo contrário, não precisa ser complexo, até mesmo porque muitas artesãs trabalham em escalas menores. O que é necessário, como em qualquer coisa,  é se organizar, para que tudo flua o mais leve possível.

Neste processo temos  que  Embalar o Artesanato feito para enviar ao destino final, seja ele pronta entrega, que muitas vezes será comercializado na mesma cidade, ou encomenda que pode ser na mesma cidade ou envio por correios e transportadora.

A embalagem de produtos no geral serve para definir o valor que será atribuído ao produto. Através da parte externa também são adicionados valores emocionais em relação a marca e ao produto que são gerados objetivos perceptíveis pelos consumidores em questão da funcionalidade do produto, a identidade e a personalidade. Com a embalagem também é feita a fidelização do cliente com a marca.

No artesanato não pode ser diferente, o exterior além de demonstrar para o cliente que a peça foi bem feita e está bem protegida,  também deve possuir atributos que sejam perceptíveis e relacionados com a Marca .

É de suma importância que a primeira experiência visual que o cliente tenha,  já seja de que vai encontrar dentro do pacote aquilo ou mais do que espera. E esta sensação a artesã só vai conseguir gerar se a embalagem  for bem feita e bonita.

Veja também Dicas Matadoras para Fotografar Artesanato

Uma dica é lembrar sempre de ter um diferencial, mostrar o profissionalismo do seu trabalho e usar a criatividade, com embalagens que tenham a cara e o jeito do seu artesanato, cheirinhos, tags e cartões são muito bem vindos e decoram ainda mais o pacote, que podem  ser feitos uma a uma personalizados para cada cliente ou a artesã pode criar a sua embalagem e ir reproduzindo igual. Mandar fazer em gráficas em grande quantidade, também pode ser uma opção para agilizar.

A baixo algumas dicas de como embalar peças artesanais para entregar ao cliente:

  • Embalando com Pacotes de papel Craft, papel colorido , embrulhos reciclados, fitas, rendas e adereços que tenham a ver com o tema, podem fazer parte do pacote.

  

 

A baixo também um vídeo feito pela Círculo com a Paula Piai que fala principalmente como embalar peças que vão ser enviadas pelo correio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subscribe!